quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Lei da Mordaça na 5ª COPA STAR GAMES‏


È isso mesmo os torcedores do Eporte Club COHAB`S, foram proibidos pelo Dono da COPA de espressar seus desejos através de apito, sob ameaça da referida equipe ser eliminda da competição, pois bem os torcedores do bairro se organizaram e foram ao Ginásio Francisco Amaro Guedes, com intuito de torcerem pelo seu time coração o COHAB`S, todos só queriam abrilhantar a festa e por isso usaram varios artificios para precionárem os time adversário, ocorre que o dono da copa que´é uma pessoa ante popular, incomformada com aquela manisfestação, resolveu fazer como os ditadores fazem, obrigou o dirigente do time a recolher todos os apitos, pois do contrário o COHAB`S estaria eleminado da COPA, pergunta 01:onde ja se viu falar que é proibido entrar com apito em qualquer ginásio poliesportivo ou em quadra de futsal desse País? desde quando entrar no ginásio com apito e de forma pacífica ficar fazendo a festa soprando um apito com intuito de realmente fazer barulho é proibido. Afinal torciada só silencia quando seu time esta perdendo, mas torceda é pra zuada mesmo, claro na arquibancada, como queriam fazer mas foram impedidas.Seria bom é que o dono copa se preocupasse é com a qualidade da arbitragem, que marcou uma 6º falta inexistente e que com certeza interferiu no resultado da partida e tem mais o jogador Sergio do COHAB`S que estava na quadra e uniformizada foi em casa depois voltou e se quer foi advertido, o mesmo aconteceu com o jogador Herbesson do Sporting, que também saiu de quadra foi atráz do palco do ginásio esteve na arquibancada voltou pro jogo mas também não foi advertido nem pelo mesário e nem pelos árbitros da partida, parece até piada isso daria uma boa matéria em qualquer programa de esporte da TV brasileiro seria o mico do ano com certeza pena não ter sido possível registrar essas imagens através de videos, iriam render um certo dinheiro. Episódios como esses só acontecem nas copas STAR GAMES, fica aqui o repudio contra tudo isso que citado

Nenhum comentário:

Postar um comentário