sexta-feira, 2 de julho de 2010

Holanda vira e elimina o Brasil

Felipe Melo estraga a festa brasileira, Seleção perde chances e os rivais esperam o adversário da semi

Felipe Melo deixa o campo após ser expulso no segundo tempo (Foto: Reuters)

Felipe Melo deixa o campo após ser expulso no segundo tempo (Foto: Reuters)

Pela segunda vez consecutiva a Seleção Brasileira é eliminada nas quartas de final da Copa do Mundo. E mais uma vez com uma história digna de uma "Crônica de uma morte anunciada". Com a licença do escritor Gabriel García Márquez. E Felipe Melo foi o protagonista desta triste passagem. Do belo lançamento para o gol de Robinho no primeiro tempo, para o gol contra e a expulsão na etapa final. No fim, na primeira virada dos mata-matas desta Copa, a Holanda venceu por 2 a 1.

A "morte anunciada" citada acima tem a ver com Felipe Melo. Depois de uma temporada pífia na Juventus, o volante da Seleção chegou a África do Sul sob muitas desconfianças. Além da má fase em campo, o destempero emocional do camisa 5 era uma preocupação constante. E nesta sexta-feira, em Porto Elizabeth, o "medo" se tornou realidade.

Dois tempos distintos. Esse é o resumo da partida desta sexta. No primeiro tempo, o Brasil sobrou. Abriu o placar logo aos 10 minutos, após belo passe de Felipe Melo que Robinho só teve o trabalho de tocar para o gol. Depois, perdeu chances de ampliar o resultado. Menos por oportunidades criadas, é verdade, mas dominou as principais ações do jogo.

Na etapa final, só deu Holanda. Subiu a marcação em seu campo de ataque, roubou bolas na defesa brasileira e o melhor, pelo menos para eles: conseguiu converter em gols as chances que criou. Em lances que a Seleção não costumava falhar, nas jogadas aéreas. Felipe Melo aos 8 minutos cabeceou contra e (o baixinho) Sneijder aos 23 aproveitou desvio de Kuyt e só tocou para as redes. Na verdade o Brasil na primeira fase e nas oitavas só tinha pego times irregulares no seu primeiro desafio não vendeu, um time muito ruim, qualquer pessoa conciente sabia que com aquele time o Brasil não ia longe, um time muito mal convocado isso é a verdade, arrogancia e prepotencia não ganha copa do mundo. o unico culpado pela derrota é o tecnico Pai- dunga

Nenhum comentário:

Postar um comentário