sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Eleição para Presidência da Câmara de Icó termina em tiro e quebra-quebra


Icó CE- A sessão desta quinta-feira (05) da Câmara de Vereadores do município de Icó, na região Centro-Sul do estado, deveria terminar com aplausos, mas o barulho que se ouviu foi de tiro e confusão. Estava agendada para a data a votação da nova mesa diretora da casa para o biênio 2011-2012, mas a eleição foi adiada.

Muitas pessoas acompanhavam a sessão na parte interna do prédio, e mais de duas mil ficaram do lado de fora. No momento em que os votos dos 10 vereadores seriam declarados, uma confusão começou. Cadeiras e mesas foram quebradas e até um tiro foi dado, mas não feriu ninguém. A bala atingiu o equipamento de ar-condicionado, próximo ao teto.

O vereador Ítalo Sousa da Paz, um dos candidatos a presidente da casa, confirmou o ocorrido e disse que a votação aconteceu. “Houve um tumulto, um quebra-quebra, até um tiro teve. Depois do balaço, o tumulto aumentou. Quando as coisas se acalmaram, aí os vereadores se reuniram novamente. Dos 10, permaneceram no recinto seis. O presidente da Câmara também se ausentou. Para dar continuidade à sessão, o vice-presidente reabriu os trabalhos e deu início à nova mesa diretora”, contou.

Mas a versão do atual presidente, Ricardo Jerônimo Leite Nunes, é diferente. Em entrevista ao Portal Ceará Agora, ele deu detalhes sobre o ocorrido, mas foi enfático ao afirmar que “não houve votação” na quinta-feira. “Na hora que começaram os discursos, aí surgiram denúncias de seqüestro, de compra de votos. (...) Simpatizantes de um dos vereadores tumultuaram a Câmara, danificaram birôs, e por falta de segurança a Presidência encerrou a sessão, lacrou o recinto, e a eleição será em nova data”, finalizou.

O titular da Delegacia de Icó, José Gonçalo de Almeida, responsável pelas investigações sobre o incidente, comentou que o ambiente onde aconteceu a confusão foi fotografado, lacrado e será periciado na próxima segunda-feira (9). “Foi constatado um disparo de arma de fogo no local, que atingiu uma central de ar-condicionado. Pela direção do tiro, a bala veio dos fundos do plenário, quase de fora”. O delegado Gonçado disse ainda que na hora do ocorrido, só havia policiamento na parte externa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário