terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Se a moda pega: Juiz determina bloqueio de verbas do Município de Uruburetama para garantir salários de servidores


O juiz Antônio Cristiano de Carvalho Magalhães determinou o bloqueio de todas as verbas do Município de Uruburetama, distante 127 Km de Fortaleza. A decisão, válida até o próximo dia 31, tem como objetivo obrigar o prefeito José Gilvan Pires Nunes a realizar o pagamento dos salários atrasados do funcionalismo público.

Segundo o Sindicato dos Servidores Públicos de Uruburetama, os salários estão atrasados desde setembro. O sindicato alegou ainda que os recursos são lançados mensalmente na conta da Prefeitura, mas não são repassados aos funcionários.

Ao analisar o processo, o juiz Antônio Cristiano de Carvalho Magalhães, da Vara Única de Uruburetama, concedeu liminar e determinou o imediato pagamento, bem como a comprovação em até 72 horas. Em caso de descumprimento, fixou multa de R$ 200 mil, a ser paga, solidariamente, pelo prefeito e pelos secretários de Finanças e Administração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário