sexta-feira, 1 de março de 2013

Luizianne Lins diz que fez pior escolha da vida ao se aliar a Cid Gomes


Após período de silêncio ao encerrar o mandato de prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins falou sobre adversários políticos e se defendeu de críticas na abertura do seminário do Partido dos Trabalhadores (PT) em Fortalezaque comemora os dez anos em que o grupo está à frente da presidência da República.
Detalhe da mesa principal do evento: Lula aparece entre o governador Cid Gomes e o prefeito Roberto Cláudio. Luizanne logo ao lado. Crédito: Reprodução
Falando sobre o governador do Ceará, Cid Gomes, a ex-prefeita não economizou palavras: "acho que foi o maior erro que cometi na política até hoje foi um dia ter acreditado nele", desabafou.
Sobre as críticas que vem recebendo de secretários e aliados do prefeito Roberto Cláudio, Luizianne, inicialmente, não quis tecer comentários, mas acabou rebatendo as críticas.
"Quando não se sabe fazer, não é para todo mundo, tem que se preparar. Quando as pessoas não conseguem fazer as coisas, elas tem que culpar os outros. Nesse momento, é por não saber o que fazer. O tempo todo se reclama do governo anterior e não se apresenta nada à sociedade. Tem gente aqui que tem que lavar a boca dez vezes antes de falar de mim", disse.
Futuro no PT
Sobre a continuidade na liderança do PT no Ceará, Luizianne Lins disse que Lula pediu para que ela cumprisse até o final o mandato de presidente do partido.
Prefeito comparece
Quem registrou presença no evento também foi o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio. Ele disse que foi à convite do próprio partido, PSB-CE, e não quis comentar as declarações da sua antecessora, Luizianne Lins. O prefeito chegou a ser vaiado ao ser anunciado para compor a mesa principal do evento.
Compareceram também ao seminário o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB-CE), o senadorEunício Oliveira (PMDB-CE), senador Eduardo Suplicy (PT-SP), senador Pimentel (PT-CE), senador Inácio Arruda (PCdoB-CE), o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, ex-governadorLúcio Alcântara (PR-CE), do presidente nacional do do PT, Ruy Falcão,  a ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, além de outras autoridades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário